Evolução e Evangelho

O presente livro é o 6.º da II Obra. Ele segue o 5º volume: A Grande Batalha, do qual é uma continuação e ampliação, junto com ele constituindo o 1.º termo da 2ª trilogia da II Obra.

Como expliquei no prefácio de A Grande Batalha, no qual o leitor pode melhor conhecer o sentido da minha produção intelectual neste período, encontrará mais pormenorizadas explicações, estes dois volumes representam uma fase de descida no terreno das grandes visões orientadoras, dura realidade da vida, na prática, feita de lutas e dificuldades, num mundo que deseja e quer realizar coisas bem longe de um ideal superior. No desenvolvimento da Obra estamos então numa fase de atuação, porque os princípios gerais são agora levados em contato com os fatos concretos, isto é, não como o mundo deveria ou poderia ser, mas como ele é na realidade.

Disso nasceu um choque que, em A Grande Batalha, foi analisado sob um ponto de vista individual, como conseqüência de experiências pessoais; neste volume, Evolução e Evangelho, é observado sob um ponto de vista coletivo, isto é, como um choque entre os superiores princípios ideais do Evangelho e o nosso mundo que, na realidade, vive seguindo princípios opostos. É assim que, no presente livro, o assunto de A Grande Batalha é transferido para além dos limites do caso particular, situando-se no mais vasto terreno social e religioso, ético e biol6gico. Assim a visão desenvolvida neste 2.º volume, completa a do volume anterior, e o fenômeno fica estudado nos seus dois aspectos: o da luta individual entre o evoluído e o involuído, e o outro universal da luta entre os ideais e a realidade da vida humana. Assim de ambos os pontos de vista, nos dois volumes, foi analisado o problema da possibilidade da realização do programa evangélico de Cristo em nosso mundo.

Tudo isto foi pessoalmente vivido e experimentalmente realizado, observando como o fenômeno, nas suas duas dimensões, particular e universal, se desenvolveu, no meio da luta entre as forças materiais do anti-sistema e as espirituais do sistema, princípios que aqui vemos funcionando nas suas aplicações praticas. Esta é uma hist6ria cuja relação se iniciou na introdução, “Gênese da II Obra", do livro Profecias; continuando no seguinte: A Grande Batalha, que universalizou-se neste: Evolução e Evangelho, e continuará nos demais, sempre e cada vez mais em contato com a realidade da vida neste mundo, como conclusão pratica e positiva da II Obra, e como controle racional e confirmação experimental que provam a verdade dos princípios sustentados em todos os volumes.

S.    Vicente, Páscoa de 1958




  • pesquise na obra
  • avancemos
  • palestras e estudos
  • livro a lei de Deus
  • congressos
  • livraria